CLAUDIA VASCONCELLOS

DRAMATURGA * ONDA#12, ONDA#19 e LAB#04

No ATRAVES\\, Cláudia Vasconcellos participa dos últimos ensaios da peça DESIGUAL, durante a ONDA#19: OLHAR.

Também foi convidada pelo curador Jairo Mattos para integrar o movimento PRESENTE da ONDA#12 – HOJE. Ela desenvolveu uma peça teatral dentro de nosso estúdio, recebendo os atores Victor Coelho, Vera Bonilha e Dani Mustafci, além disso, auxiliou a direção de Jairo Mattos. Participaram do processo também o ilustrador Rica Ramos, que fez desenhos projetados ao vivo inspirado pela realização do ensaio, e o compositor Marcelo Amalfi, que desenvolverá a trilha sonora da peça.

“Eu gostaria de ter uma interferência externa no meu trabalho. O processo de escrita de um texto teatral é muito fechado para o autor. Ter alguns comentários pode ser muito enriquecedor.”

Cláudia Vasconcellos é formada em Filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), da Universidade de São Paulo (USP)

Trabalha como dramaturga desde 1994, envolvendo-se com teatro adulto e infanto-juvenil. Sua peça de estreia foi “Inventa-Desinventa”. Desde então, escreveu, também para o público infantil, “As Roupas do Rei” (2002), “Assembleia dos Bichos” (2005), “O Tesouro de Balacobaco” (2007) e “Espiral do Tempo” (2009).

A dramaturga iniciou no teatro adulto em 1998, como dramaturgista do espetáculo “Irmãs do Tempo”, em parceria com Carlos Alberto Soffredini. Seus trabalhos de maior destaque foram “Lágrima de Vidro” e “Cata-Dores”, ambos de 2007.

Entre os prêmios recebidos estão: o Grande Prêmio da Crítica pela APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte); o Prêmio de Melhor Texto MinC (Ministério da Cultura) e o Prêmio Coca-Cola Femsa de Melhor Texto.

ONDA

Generic selectors
Exatamente
Procurar Titulos
Procurar no Conteúdo
Procurar nos posts
Procurar nas Páginas

CONVIDADOS