O ATRAVES\\MÓVEL

O ATRAVES\\MÓVEL

PROCESSO CRIATIVO TO THE PEOPLE

A ARTE.BIKE é uma versão móvel do nosso estúdio. Ela acopla e transporta a CXA do ATRAVES\\ pela cidade para levar o processo criativo até as ruas. Por meio de transmissão AO VIVO, proporciona o encontro entre as pessoas e nós, causando interação imediata.

ARTE.BIKE

Consiste em uma caixa acoplada na parte traseira de uma bike customizada, onde o espectador é convidado a sentar e contemplar o processo criativo do artista que está, naquele momento, produzindo uma obra ao vivo em nosso estúdio.

Este protótipo permite aproximar ainda mais o público do processo criativo do artista, quebrando as barreiras físicas do estúdio e da própria internet. A surpresa e o engajamento das pessoas é surpreendente! Acompanhe a página para ver por onde a ARTE.BIKE já passou e se não está pertinho de você…

VEJA POR ONDE ELA JÁ PASSOU:

#MAM
20/12/2017

Durante a festa de fim de ano de 2017, nossa arte_bike e a CXA estiveram instaladas no Museu de Arte Moderna de São Paulo! Nossos convidados puderam rever flashs dos artistas e processos criativos que ocuparam nosso espaço durante o segundo ano de existência pelo ATRAVES\\MOVEL.

#FAAP
10 e 11/05/2017

Enquanto os alunos de Artes Plásticas da FAAP participavam de uma dinâmica em nosso estúdio, nossa arte_bike levou o processo criativo em movimento até a faculdade. Em busca de provocar a interação entre os alunos, quem passou pela nossa bike teve a chance de conferir em tempo real o que estava rolando e assim potencializar o processo daqueles que estavam ao vivo.

#MIS
03/05 a 09/05/2017

No primeiro final de semana de maio, a arte_bike do ATRAVES\\ se instalou no MIS, Museu da Imagem e do Som, durante a Feira Cavalete, evento dedicado a fotografia contemporânea brasileira. A Feira acontece em paralelo a programação do Maio Fotografia, que recebe a exposição Farida. Na ocasião, pudemos trocar com as pessoas que passaram pelo evento e nos inspirar no contato com o outro.

#GALERIA_TATO E MIT_SP
07/03 a 14/03/2017

Desta vez, nossa CXA aterrisou na Galeria Tato, em Pinheiros. A instituição participou da curadoria desta colab#5 Resiliência Artística e então exibiu ao vivo os nossos processos criativos. Enquanto isso, o local foi palco de um debate com o artista iaco Viana e seus colaboradores sobre grafite, pixo e a arte de resistir em São Paulo.

Na sequência, a arte_bike levou a CXA até o Teatro Municipal de São Paulo, onde rolava a abertura do MITsp – Mostra Internacional de Teatro. O nosso estúdio, palco de alguns ensaios da mostra, esteve em exibição para os passantes enquanto atores declamavam manifestos.

#LARGO_DA_BATATA
13/10 a 24/10/2016

Depois de uma primeira tentativa frustrada por conta das fortes chuvas, a ARTE.BIKE do ATRAVES\\ finalmente ganha as ruas nos arredores do Largo da Batata, levando AO VIVO o processo de Conrado Zanotto para além dos nossos limites.

#GALERIA_MEZANINO
27/07 a 01/08/2016

O artista Felipe Bittencourt fez performances no ATRAVES\\ transmitidas ao vivo na Galeria Mezanino, provocando e instigando os visitantes a entrarem da CXA_ATRAVES. Essa foi a estreia da nossa CXA que ficou seis dias hospedada na Galeria Mezanino.

A CXA

“Sair da caixa” é uma expressão que se aplica àlgo que é tão interiorizado que não precisa mais ser protegido para se manter imaculado, algo que faz parte da alma.

É nesse mesmo sentido que o ATRAVES\\ sai de sua caixa original e convida outras pessoas a compartilharem nossas entranhas e conceito pelo mundo.

Depois de seis meses de vida, o ATRAVES\\ está pronto para sair de sua caixa branca, fixa, para habitar a caixa viajante que fará com que mais e mais pessoas tenham contato com nosso conceito; conceito este que não apenas tem muito mais tempo de vida que o projeto, como é algo que percebemos que todas as pessoas que entram em contato com ele, estão ávidas por esse reencontro.

Os processos criativos não podem mais ficar dentro de caixas que revelam apenas produtos finais, que muitas vezes chegam até nós sem alma. Os produtos finais são sim importantes, mas como chegar até eles é um conhecimento essencial para que o mundo continue criando, vendo o erro como parte do caminho, entendendo que a alma de uma obra só é tão emocionante porque fica impressa ali depois de um longo caminho trilhado pelo artista. Essa noção é essencial para inspirar outras pessoas.

Nossa caixa pretende percorrer esse caminho pelo mundo, acolhendo pessoas dentro do nosso conceito, oferecendo a experiência de estar em dois lugares ao mesmo tempo e será marcada a cada parada, a cada aprendizado. Nossa primeira experiência é essa. Nós saímos para que todos possam entrar. É uma honra dividir este espaço com vocês.

Juliana Borgez, diretora de conteúdo do ATRAVES\\.

AGRADECIMENTO:

MARIO ESTELLITA

Ex-marqueteiro formado na ESPM, atual corretor de imóveis e tem como hobby o exercício da marcenaria.
Mario, com a ajuda de Celso Morelli e Piero e Oliver da Escola de Marcenaria Cosi di Legno foram responsáveis pela idealização e execução do projeto de marcenaria da CXA do ATRAVES.TV.